Teoria Musical – Inversões dos Intervalos Ultrapassando a Oitava – Parte 2/2 (Aula 51) Grátis

Rafael Bazano

Professor de Violão, Guitarra e Teoria Musical.
Mais cursos deste professor

Comentários

Envie um Comentário

10 respostas para “Teoria Musical – Inversões dos Intervalos Ultrapassando a Oitava – Parte 2/2 (Aula 51)”

  1. almeida33 disse:

    Olá farofa não tem como Vc liberar pra nós pelo menos o último quadro virtual pra ficar mais bonito no caderno Kkkkkkk

  2. cmoreira@bcn.cv disse:

    Cara,
    Bom dia.
    Só uma perguntinha. As aulas de teoria musical terminam na aula 51?
    Não consigo ver mais….

  3. WALDIMIR RODRIGUES VIANA disse:

    Olá Farofa. Seu curso é ótimo! tenho desenvolvido muito a teoria com a prática. Estou esperando acinosamente por mais videos de teoria. Esgotou o conteúdo e será importantíssimo avançar mais. SAudações.

  4. marcianojavorski disse:

    muito boa as aula de teoria to aprendendo muito valeu farofa………………..

  5. Saile disse:

    Olá Farofa,
    Sou assinante da Cordas e Música, com validade até 18/10/2016.
    As aulas de teoria musical terminam na aula 51 (inversão de acordes), não tem as aulas seguintes que irão tratar da formação de acordes.
    Gostaria muita de aprender esse assunto.
    PS
    Elias Ferreira da Silva

  6. killersd2016 disse:

    Quando sairão mais aulas de teoria musical? Já terminei essas e estou muito ansioso pelas outras….

  7. larama disse:

    Professor, me tira uma dúvida?
    No quadro virtual, quando você coloca todos os intervalos por semitom, pentagrama do meio, nas notas #G e A você marca como enarmonia. Acho que faltou o b ao lado da nota A. E no A seguinte tem um b que não deveria ter.
    Acho que houve um erro de impressão.
    Estou correto?

  8. haendelpaulino disse:

    Professor, estive tentando fazer os exercícios referentes a essa aula aqui. Estou encontrando dificuldades. Estou sem entender o que EXATAMENTE o exercício quer.
    Seria possível fazer uma vídeo resolvendo apenas UM desses exercícios?
    Porque a partir da sua explicação, seria fácil concluir os outros exercícios que exigem o mesmo conhecimento.

Deixe uma resposta